Amor verdadeiro: 16 coisas para saber se é amor de verdade

3 min


14 shares
amor verdadeiro

Você seria capaz de reconhecer um amor verdadeiro?

O amor verdadeiro faz o mundo girar. Transforma as pessoas e as torna melhores. Não acredite naqueles que dizem que as pessoas não mudam, elas mudam sim.

>> Coração é sagrado, não pode ser entregue a qualquer um

As pessoas estão, todos os dias, se tornando um pouco diferentes de quem eram ontem e o amor verdadeiro as ajuda nisto também.

Aqui vão algumas características do amor de verdade:

1. Amor significa dizer adeus às expectativas 

Todos esperamos que as pessoas sejam ou se comportem da maneira que achamos adequado. Isso se chama expectativa. E a expectativa é apenas uma exigência de aceitação do outro. O amor verdadeiro não tem expectativas, ele ama a pessoa como ela é.

2. O amor não desempenha o papel de vítima ou culpa os outros

Amar de verdade também significa assumir as responsabilidades de seus atos perante o outro. Pedir desculpas e perdoar. O amor trabalha em conjunto com as pessoas para que elas melhorem juntas.

>> O outro esta te incomodando? Olhe para dentro

3. Amar significa deixar ir

O amor verdadeiro não acredita ser dono de alguém. Não tem a ver com posse e controle, mas com liberdade de escolha.

“Se você ama alguma coisa, liberte-a. Se ela voltar, é porque é sua. Se isso não acontecer, então nunca foi.”

Há muita verdade nisso. O amor verdadeiro não quer possuir. Está disposto a libertar.

4. O amor não exige que você continue um relacionamento

Amar muito alguém pode ser algo solitário, infelizmente. Um amor não correspondido não exige que a pessoa que não ama continue ao lado. Amar de verdade não significa estar com o ser amado. Isto faz parte da vida.

5. O amor não deixa que o ciúme o controle

Ter um ciúme saudável e que não controla ou faz mal ao outro pode ser normal quando se ama alguém. Mas o ciúme não controla o amor verdadeiro. O amor verdadeiro confia na qualidade do relacionamento. Sabe que a outra pessoa é feliz e contente voltando para você e somente você.

6. O amor enfrenta o medo

O amor de verdade esta ao lado da alegria, felicidade, satisfação…O medo esta do outro lado. O medo também não deve controlar o amor. Podemos ter medo de algumas coisas, ficar desconfiados e nos posicionar de forma segura, mas nunca este sentimento deve controlar tudo o que sentimos pelo outro e uma conversa deve colocar qualquer medo por terra.

>> Dor emocional: 7 estratégias práticas de superação

7. O amor não está precisando, mas querendo

Amor de verdade não necessita, apenas quer. E o querer é possível controlar, adequar e alinhar com a vida. Se você sente que não vive sem alguém e necessita dela a todo custo, isto não é amor. Procure ajuda terapêutica.

8. O amor é uma ação, não apenas um sentimento

Todos os dias podemos demonstrar amor. Isto é diferente da impulsividade da paixão que quer satisfazer suas sensações a todo instante, como uma febre. O amor entende que alguém não é mais novidade e continua ali.

9. O amor é incondicional 

A palavra “incondicional” significa que não há expectativas ou limitações definidas. Amar incondicionalmente é uma coisa difícil, e a maioria das pessoas não consegue. Mas o amor verdadeiro realmente ama sem tentar mudar a outra pessoa.

10. Amor significa pensar nas necessidades de outras pessoas

O amor verdadeiro se preocupa com o outro. Faz esforços para que o outro se sinta valorizado e fique feliz também.

11. O amor é a emoção de vibração mais elevada que existe

A ciência já provou que emoções possuem vibrações diferentes. O amor vibra muito rápido, enquanto que emoções como ciúme, possessividade e ódio vibram de forma devagar. As vibrações do amor te fazem sentir-se bem a todo instante.

12. O amor é atencioso

O amor de verdade quer estar presente, junto, não ignora o outro. O amor verdadeiro gosta de dar atenção ao outro e não vê isso como uma tarefa.

13. O amor entende e aceita as diferenças

Somos todos diferentes e quem ama sabe disso. O amor de verdade não vê um erro no outro por ele ser ou fazer algo de forma diferente. Entende que cada um faz as coisas de forma individual. O verdadeiro amor, aceita as diferenças.

14. O amor varia em como é expresso e aceito 

O que nos faz “sentir amado” varia. No livro The Five Love Languages, de Gary Chapman, ele explica as diferentes maneiras pelas quais as pessoas dão e recebem amor:

(1) Palavras
(2) Atos de Serviço
(3) Dar Presentes
(4) Passar Tempo Juntos
(5) Tocar

Cada um tem um jeito de demonstrar o amor e isto é individual. É importante entender a forma como a outra pessoa expressa o amor e dar amor de uma forma que a outra pessoa reconheça.

15. O amor faz você se sentir bem

Estar em um relacionamento é diferente de estar amando. Só porque você está em um relacionamento não significa que haja amor verdadeiro presente. Se houver ciúme, possessividade, luta constante, abuso (verbal, emocional ou físico), isso não é amor.

>> Depressão: o que é, sintomas e tratamento

16. O amor tem empatia

Ter empatia significa se colocar no lugar do outro e olhar do ponto de vista dela. O amor tem profunda empatia pela pessoa amada. Se preocupa com o sentimento dela e fazem o possível para que, quem é amado, se sinta valorizado e digno.

>> Empatia: além da linguagem, uma habilidade social

Lembre-se que o amor é felicidade, apreciação e sentir-se bem. Qualquer coisa que não seja isso não é amor. Ame o outro como a si mesmo, o mundo com certeza se tornará um lugar melhor.


Like it? Share with your friends!

14 shares

What's Your Reaction?

Amei Amei
1
Amei
Nossa! Nossa!
0
Nossa!
Own Own
1
Own
Gostei Gostei
0
Gostei

Comments

comments

error: Content is protected !!