O luto nas redes sociais: faz sentido?

3 min


o luto nas redes sociais

A algum tempo observo sobre o luto das redes sociais.

O comportamento das pessoas enlutadas não deve ser de forma alguma, motivo de julgamentos ou conjecturas, no entanto, não há como perceber o luto nas redes sociais sem pensar no quanto estas redes estão inseridas atualmente na vida das pessoas.

Desde avisos de missas, local de enterro, mensagens de despedidas e até aquela palavra que não foi dita em vida. Há também os que alteram sua imagem de perfil para imagens em preto, palavras de luto ou fotos com o ente querido que partiu.

Vamos dar foco maior a alteração de imagem de perfil para faixas escritas “luto” ou imagens totalmente pretas no perfil. Mesmo porque, ainda há um aspecto útil ao senso comum com os avisos e notas de falecimento.

A algum tempo as redes sociais se tornaram uma extensão da vida de cada um. Um perfil online se tornou uma parte da identidade. Ainda que muitos digam que nada o é presencialmente como online, podemos dizer que, ao menos, pode ser o que se espera da vida ou uma imagem desejada.

Ou seja: o é. No andar do desejo não realizado ou da vida imaginada, o é.
Ao menos para aqueles que tem o perfil, ele é, de certa forma, algo em sua vida.

Então, o luto nas redes sociais surge de forma estranha e incômoda para muitos. O que é o luto nas redes sociais?

Como alguém que deveria (deveria?) estar enlutado, contido, recolhido em sua dor pode pensar em atualizar sua imagem de perfil para o preto? Como pode pensar em escrever em suas redes sociais o que quer que seja? Não seria este comportamento mais uma maneira de receber likes e atenção como em qualquer outra postagem?

É fato que lidamos com a morte com tabu. Culturalmente, aprendemos que a despedida, com teor religioso ou não, é carregada. Aquela pessoa não esta mais entre nós. Não poderemos mais conviver com ela, conversar, abraçar, ver.

A despedida que a morte nos obriga a fazer é repleta de “por quês”. Repleta da sensação de não ser justo e nem a hora. Mesmo quando era esperado.

O quê faz então, que o luto nas redes sociais seja tão urgente para os enlutados? Qual a pressa em mostrar para todos o luto acima do senti-lo? E quem é o outro? Quem são aqueles que percebem o luto nas redes sociais?

Na despedida, seus familiares mais próximos estarão (ou deveriam estar) presentes. O compartilhamento da dor acontece, geralmente, pessoalmente. O luto nas redes sociais diz mais sobre o enlutado do quê sobre aquele que partiu.

De uma forma ou de outra, é só mais um jeito do eu enlutado se fazer presente online. De uma forma ou de outra, evita-se o sentir consigo mesmo, o olhar para dentro para continuar com os olhos para fora.

Certo ou errado, não há escolha adequada neste sentido. Questionamentos sim: o quê estamos fazendo com nossos lutos? Estamos realmente partilhando e sentido uma dor? E quê grande diferença isto faz?

Em tempos líquidos, onde a presença já não é mais pessoalmente, onde o online se faz presente no dia-a-dia, o quanto estamos solitários em nossos lutos? E o quanto temos medo de estarmos solitários nesta dor?

Não seria um desserviço a modernidade das redes sociais infiltrando-se em um momento tão íntimo e o expondo para o todo da rede, afim de torna-lo distante da realidade? Racional demais?

Porque fugimos do enfrentamento da morte? Expor o que se sente em rede, dizer a todos que sofre por alguém que partiu, não se parece como uma forma de diminuir a culpa de não tê-lo feito suficiente em vida ou apaziguar a raiva de ter sido abandonado? Talvez uma forma de se sentir melhor?

Os sentimentos precisam ser trabalhados como uma parte normal do processo de pesar, para que mais tarde as memórias do falecido possam ser desfrutadas sem dor ou evitação. A nova realidade, que inclui o acesso e o compartilhamento de informações da vida de forma online, esta presente e não há mais como voltar atrás.

A elaboração de sentimentos ambivalentes em relação aos mortos é extremamente importante para a continuidade da vida saudável daqueles que ficaram.

Leia também:


Like it? Share with your friends!

What's Your Reaction?

Amei Amei
0
Amei
Nossa! Nossa!
1
Nossa!
Own Own
0
Own
Gostei Gostei
0
Gostei

Comments

comments

error: Content is protected !!